Conheça 5 procedimentos que contribuem para uma aparência mais jovial da pele

O dermatologista lista 5 procedimentos que ajudam na beleza da pele; veja

Para manter uma aparência jovial na pele, existem diversos procedimentos no mercado que contribuem e ajudam na beleza da mesma. Todavia, é importante uma avaliação do rosto antes de realizar qualquer procedimento apurado senso artístico e estético.

O dermatologista André Braz lista 5 métodos estéticos. Confira:

1) Preenchimento com ácido hialurônico: O tratamento com ácido hialurônico é super segura, já que a substância é reabsorvida pelo organismo e estimula a produção de colágeno. “Ele é indicado para preencher as rugas, os sulcos, as sombras do rosto que estão sendo causadas pela perda de volume, pela atrofia dos compartimentos de gordura e por uma perda óssea, principalmente quando se tem mais idade. É recomendado que o médico tenha um senso estético e artístico apurado. Quando a paciente apresenta assimetria da face, a combinação de ácido hialuronico e botox é importante.  Muitos pacientes têm um lado do rosto diferente do outro. À medida que a perda óssea avança, essa assimetria fica ainda mais evidente. É então corrigida com a combinação dos tratamentos. A dica é tratar a assimetria com os dois produtos (preenchimento + toxina botulínica). Pacientes que já tem perda de volume, o uso do ácido hialurônico é indicado para repor a perda de gordura e ao mesmo tempo, melhorar o formato da face. Por realizar o procedimento com microcânulas (usadas em diversos procedimentos como preenchimento e botox), dificilmente o paciente fica com manchinhas roxas. Dr André tem destacado senso artístico e estético para desenvolver esses procedimentos de forma personalizada para cada paciente. O foco de seu trabalho é a avaliação global da face”.

2) Toxina Botulínica: A aplicação de toxina pode ser feita em diversas áreas do rosto e ajudam tanto no tratamento como na prevenção de rugas e expressão facial. “O tratamento individualizado é essencial porque a anatomia é diferente, a forma de contrair um músculo é diferente. O tratamento com Botox é considerado minimamente invasivo e é feito no próprio consultório médico. Os efeitos não são imediatos, podem levar até 15 dias para aparecerem e, a partir do quarto mês, começam a desaparecer, até que, no sexto mês não possui mais eficácia. É fundamental a combinação da aplicação da toxina botulínica com o preenchimento de ácido hialurônico nas áreas de perda de volume faciais, e para melhorar as proporções da face quando não estão favorecendo o contorno facial do paciente”.

3) Sculptra: “Ácido polilático age como estimulador de colágeno – depois que o paciente repôs o volume e deixou o formato do rosto mais harmônico, em alguns casos ainda ficam algumas rugas dinâmicas, como as rugas do sorriso (ao lado do canto da boca). Nestes casos é recomendado o uso do ácido polilatico para melhorar a textura da pele. São recomendadas entre 3 a 4 sessões. A grande novidade é que tem sido adotado um novo protocolo para pescoço, com o ácido polilático mais diluído. Primeiro pode ser aplicada a toxina botulínica no pescoço para relaxar a musculatura, porque quando contrai as ruguinhas aparece. Em seguida, aplicado o ácido polilático que estimula o colágeno e dá uma esticadinha na pele. O Sculptra também pode ser usado para o corpo”.

4) Laser fracionado não ablativo (Emerge) ou Laser Diodo Fracionado: O profissional não recomenda o laser de CO2 (ablativo) por conta do clima quente. “A pele pode ficar sensível demais e fazer um melasma. Recomenda usar um laser não ablativo. Ressalta-se que tanto pra receber o laser, quanto depois não pode pegar sol. O laser fracionado não ablativo estimula o colágeno, mas não esquenta muito, evitando uma hiperpigmentação pós inflamatória”.

5) Microagulhamento: Indicado para pacientes muito bronzeados, pacientes com melasma ou pacientes de fototipo 4 ou 5 que não tem indicação para fazerem lasers. “O microagulhamento também estimula o colágeno mas não tem o dano térmico do laser. Pode ser associado ao drug delivery. Atualmente costumamos associar tecnologias no intuito de aumentar a penetração dos ativos através da realização do drug delivery. Este processo permite maior permeação dos ativos através de canais/ perfurações feitas na pele com lasers fracionados (EMERGE) ou microagulhamento (DERMAPEN). Dessa forma, aumenta-se a profundidade de penetração dos peelings e ativos na região alvo de tratamento na pele, potencializando os resultados”, conclui André Braz.

Fonte: http://caras.uol.com.br/bem-estar/conheca-5-procedimentos-que-contribuem-para-uma-aparencia-mais-jovial-da-pele#.WXnvyYjyuUk